segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Sobre Diálogo

Conheço três espécies de diálogo: 
- o autêntico – não importa se falado ou silencioso – onde cada 
um dos participantes tem de fato em mente o outro, ou os outros, 
na sua presença e no seu modo de ser, e a eles se volta com 
a intenção de estabelecer entre eles e a si próprio uma reciprocidade 
viva; 
- o diálogo técnico que é movido unicamente pela necessidade de 
um entendimento objetivo; 
- e o monólogo disfarçado de diálogo, onde dois ou mais homens, 
reunidos num local, falam cada um consigo mesmo, por caminhos tortuosos e estranhamente entrelaçados, 
e crêem ter escapado, contudo, ao tormento de ter que contar apenas com os próprios recursos. 
BUBER
Fonte, aqui!

Nenhum comentário:

Postar um comentário